A fábrica de redes

By | 2.6.14 Deixe seu comentário
Funcionou por algum tempo em nosso município uma fábrica de redes, cujo proprietário era o Sr. Pedro Calixto do Nascimento. Essa indústria era sediada na Rua Sebastião Nicolau e foi um marco importante dentro da nossa vocação comercial.
A sua manufatura era capaz de abastecer os Estados do Maranhão, Pernambuco, Mato Grosso e São Paulo. A matéria-prima (algodão) provinha da própria região, assim como os trabalhadores.
As máquinas zoavam diariamente e davam emprego para muita gente, fomentando ainda mais o comércio local.
Segundo o historiador João de Deus Melo [1], ela permaneceu ativa de 1940 a 1960. Hoje resta-nos tão somente a saudade deste tempo glorioso.

Rau Ferreira

[1] Consoante escreveu em seu artigo “Esperança – um pouco da sua história”, para a Revista do Fisco, N. 364, setembro de 2008.

Referências:
- Livro do Município de Esperança, Ed. UNIGRAF, 1985 – p. 80.

- Revista Fisco – Ano XXXVIII - N. 364, Setembro-2008 – p. 12/13.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários: