Pular para o conteúdo principal

IHGE - Redação preliminar dos estatutos

Hoje (15/01) teve início a redação dos estatutos do Instituto Histórico e Geográfico de Esperança - IHGE, a partir dos modelos disponibilizados pelo confrade Thomaz Bruno de Oliveira, de casas memoriais congêneres.
Cópias dessas minutas já haviam sido encaminhadas a alguns dos sócios para estudo, porém até o fechamento desta matéria nenhum deles havia retornado com propostas.
Os sócios fundadores Evaldo Brasil e Rau Ferreira se debruçaram durante toda essa tarde, com o objetivo de apresentar o texto na próxima reunião deliberativa.
Nessa perspectiva, foram trabalhados a constituição, finalidades, a qualificação dos sócios e sua diretoria. O cofundador Evaldo Brasil fez diversas sugestões, que serão oportunamente apresentadas aos demais associados.
“Acredito que avançamos nesse projeto, partindo do esboço de estatuto, a ser debatido na próxima reunião, com a participação dos demais sócios’, concluiu Rau Ferreira.
De fato, o estatuto segue um padrão geral que pode ser adaptado a realidade esperancense, dentro dos objetivos desta casa de memória.
Na oportunidade foi traçado o lema da instituição: “Sequitur gradus ad altare historiae” (seguir os passos ao altar da história), a partir de uma estrofe de “Lux”, poema inédito de Silvino Olavo.
Esses temas serão debatidos na reunião agendada para o próximo dia 08 de fevereiro, na Biblioteca Municipal de Esperança.
O IHGE tem o apoio dos institutos históricos da Paraíba, de Campina e Serra Branca; Forum Independente de Cultura de Esperança (FIC); Sociedade Parahybana de Arqueologia (SPA), Secretarias Municipal de Educação e Departamento de Cultura de Esperança.


BlogHE

Comentários