Prefeito Sebastião Duarte

By | 18.2.15 Deixe seu comentário
A administração do Prefeito Sebastião Vital Duarte foi uma das mais progressistas que Esperança já concebeu. Com projetos arrojados, alargou ruas, trouxe o sistema de abastecimento de luz através da Cia. Distribuidora do Brejo Paraibano – CODEBRO e fundou o extinto “Esperança Club”, dentre muitas outras iniciativas que colocaram a cidade no rumo certo.
Á época o município possuía um orçamento de 130 contos e 18 mil habitantes. Sua produção agrícola era composta de batatinha, cereais, algodão e fumo. A pecuária em pequena escala prometia desenvolver-se. Registrava uma indústria de beneficiamento de algodão e pequenas fábricas de calçados. Na educação tínhamos a Escola Irineu Jóffily e outros nove educandários. Havia ainda a sociedade de empregados no comércio, uma caixa de crédito agrícola, duas feiras semanais (quarta e sábado) e um posto médico que prestava bons serviços à população carente.
O jornal FOLHA ILUSTRADA, destacou da seguinte maneira o início da sua gestão:

O Município de Esperança, no Estado da Paraíba, vem sendo bem administrado pelo Sr. Sebastião Vital Duarte. (...). O seu comércio é bastante desenvolvido, suas ruas são calçadas a paralelepípedos e pedra bruta. Sua fisionomia agrada. Funcionam ali hotéis e um bar. O prefeito atual é um trabalhador, muito amigo de sua terra. O funcionalismo está em dia e a Prefeitura nada deve, mantendo ainda nos cofres, um saldo superior a 16:000$000”(A Noite Ilustrada: 12/12/1941).

Sebastião era irmão do não menos ilustre Samuel Vital Duarte, que foi escritor, advogado, deputado e interventor na Parahyba. Depois de administrar Esperança por quatro anos (1940/1942), assumiu a prefeitura em 1944 por um curto período: 24 de fevereiro à 19 de novembro.

Rau Ferreira

Fonte:
- A NOITE ILUSTRADA, Jornal. Edição de 12 de dezembro. Rio de Janeiro/RJ: 1941.
- ESPERANÇA 82 ANOS, Revista. JB Assessoria e Comunicação. Esperança/PB: 2007.
- ESPERANÇA, Livro do Município de. Ed. Unigraf. Esperança/PB: 1985.
- ESPERANÇA. Série Diagnósticos Sócio-econômicos. Proder/Sebrae. João Pessoa/PB: 1997.
- LIVRO 3. Administrações Luiz Martins de Oliveira. Esperança/PB: 1988.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários: