Padre Zé: Candidato a Santo*

By | 4.1.15 Deixe seu comentário
Padre Zé

O Monsenhor José da Silva Coutinho – o Padre Zé – pode se tornar o primeiro paraibano a ser consagrado santo.
Nascido aos 18 dias do mês de novembro de 1897, filho do casal Júlio da Silva Coutinho e de Eusébia de Carvalho Coutinho, sobrinho do Arcebispo de Alagoas D. Santino Maia da Silva Coutinho,  e afilhado do Vigário Geral da Arquidiocese da Paraíba Monsenhor Odilon da Silva Coutinho, o religioso foi o benemérito da ação social em nosso Estado.
Fundou o Instituto São José, que dirigiu até o seu falecimento, no ano de 1973, e o Hospital Padre Zé.
Para tanto, é necessário coletar dados acerca de sua vivência e virtude, aliado ao relato de pessoas que alcançaram alguma graça, trabalho que vem sendo realizado pela Arquidiocese da Paraíba. Pelo menos três milagres são apontados como sendo obra do padre esperancense.
O processo deve ser enviado para o Tribunal Eclesiástico de Olinda e Recife, antes de seguir para Roma, onde acontecerá os procedimentos de beatificação.

Rau Ferreira

(*) Publicado originalmente em 2012.

Referência:
- COUTINHO, Graça. 100 Anos do Padre Zé. Folheto alusivo ao centenário de nascimento. Governo do Estado da Paraíba. João Pessoa/PB: 1997.

- ALVES, Camila. Padre Zé Coutinho pode ser o primeiro santo paraibano. Jornal da Paraíba. Ano 40. Nº 11.804. Edição de domingo, 26 de agosto. João Pessoa/PB: 2012.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários: