Esperança: Mercado Público

By | 30.5.14 Deixe seu comentário
O Mercado Público de Esperança ocupa uma grande área, é coberto e abriga diversos boxes onde se comercializa de tudo um pouco. Tem a forma de um quadrado com quatro grandes portas laterais de ferro, sendo estas as suas entradas principais fazendo divisa com as ruas José Ramalho da Costa, João Cabugá, José Andrade e Floriano Peixoto. O chão é de pixe e as paredes em alvenaria, com o teto de amianto e calhas de zinco e plástico.
O prédio foi construído na gestão do prefeito Arlindo Carolino Delgado (1959-1963) e inaugurado no dia 09 de novembro de 1963, sendo secretário o Sr. Clovis Brandão e Secretário de Obras Antônio G. Rocha.
Em seu interior existem as tarimbas de carnes e os locais para a venda de estivas (grãos) e farinha; mas também há espaço para o comércio de roupas e miudezas em geral. Os bancos são de madeira e alguns cobertos com alumínio. Este prédio é dividido em ruas e avenidas, onde os comerciantes constituem seus “pontos” e semanalmente contribuem com uma “taxa” para a sua  manutenção e limpeza.
Apresenta-se bem conservado e propício à comercialização. Diariamente é frquentado por pessoas que procuram os seus produtos, mas aos sábados registra um fluxo maior em razão da feira local, sendo fechado aos domingos e feriados.
Nesses 47 anos de existência o mercado passou por diversas reformas. E resistiu até a um grande incêndio que comprometeu sua estrutura, chegando a cair parte do teto.

Rau Ferreira
 
Referências:
-       Placa inaugural do Mercado Público, Prefeito Arlindo Carolino Delgado: 09/11/63;

-       Arquivo e registro pessoal.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários: