Francisco Cláudio de Lima (2ª. Parte)

By | 10.2.12 Deixe seu comentário


Continuamos a traçar o perfilbiográfico de Francisco Cláudio de Lima, o popular Chico de Pitiu. Casado emprimeiras núpcias com Maria das Neves Limeira, e em segundo matrimônio com aSra. Maria de Lourdes Cordeiro. Co-fundador do Esperança Club e do CAOBE,ex-jogador do América de Esperança e treinador daquela agremiação. Autor dolivro “50 Anos de Futebol e etc”, lançado em 1994.
Era extremamente patriota. Estasvaenvolvido nos movimentos estudantis e sonhava ver todos alfabetizados, tantoque instalou uma escola para educação de adultos que funcinou na antiga sede doCAOBE, na rua Elysio Sobreira.
Futebolista, gostava também decarnaval e São João, sendo um defensor das raízes tradicionais da nossa terra.Em certa ocasião, chegou a declarar: “Quemé filho de Esperança e nega suas origens é porque não é digno de seresperancense”.
A Usina de Compostagem de Lixo deEsperança, que era modelo para a região na década de 90, foi fruto do esforçode Chico Cláudio. Seu amor por esta terra era tão grande que sempre foieleitor, fazendo questão de participar ativamente da vida de nossa comunidade.
Como sanistarista, costumavavisitar as ruas e questionava algumas de suas denominações: “Porque não colocar o nome de Moleque. E porquenão colocar o nome de Dudé ou Pichaco?”.
Seus principais amigos eram JaimePedão, Edmilson Nicolau, João Augusto e Geraldo Pindoba.
Ele faziaquestão de dizer que era filho de Pitiu (Severino Cláudio dos Santos), que eraum simples operário, enfatizando o seu respeito pelo pai e obedecendo-o atémesmo após a sua emancipação civil. E sempre procurouse manter coerente com sua formação e suas origens.

Rau Ferreira


Fonte:
-TRIBUNA DO POVO, programa. Apresentação César Bronzeado e participação domédico Armando Abílio. Transmitido pela Ban FM (87,9 Mhz), em 21/01/2012.
- LIMA, Francisco Cláudio de. 50 Anos de Futebol e Etc. Ed.Rivaisa: 1994.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários: