Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

Blogs esperancenses

E sperança é berço de jornalistas e irradia informação por todos os cantos. Nas esquinas, nas praças, no calçadão... Comenta-se de tudo um pouco. Não bastasse o bom e saudável bate-papo entre amigos ainda existem as rádios, difusoras, TV e redes sociais complementando este universo de comunicação. Todos prontos a nos convencer de suas opiniões. Com efeito, a tradição dos jornais nesta cidade vem desde a década de 20: A Seta, Segunda Frente, O Farol, O Correio Esperancense, Vanguarda Esperancense, Mensário Oficial, Jornal de Esperança, Lírio Verde da Borborema, Tribuna Independente, A Folha, O Tempo, o Novo Tempo, o Gillete e a Folha de Esperança são alguns desses exemplos. Mas hoje o que nos chama a atenção são as mídias sociais. É verdade que com a internet se abriu para nós esperancenses um mundo de possibilidades. O blog foi a plataforma inicial para muitos, abrangendo assim um leque maior de público que vai além do nosso Município. Não é fácil estar nesse meio. Fazer sucesso mais ain…
Atendendo a pedidos... Digitalização EPDOC ® Esperança/PB: 2011

Pedro Pichaco

Conto I

Pedro Pichaco ou Pedro Santos, como queiram, foi um folclórico esperancense cujos causos ainda povoam o imaginário local. Esse primeiro conto que trazemos ao conhecimento do nosso público leitor, é de autoria do Dr. João Batista Bastos, Procurador do Município de Esperança e grande intelectual, um dos maiores civilistas da nossa região. Ele narra as suas lembranças do velho malandro, quando na sua infância aparecia aqui Pedro Pichaco, bem vestido...

“DISTRIBUINDO DINHEIRO PARA A MOLECADA
Não sei se posso, neste espaço, escreve uma das pequenas historias sobre Pedro Pichaco, quando de suas vindas a Esperança. Ele só aparecida aqui no final de ano, justamente na festa da padroeira. Pedro chegava com os bolsos cheios de dinheiro e bem vestido, engravatado. Hospedava-se no hotel de seu Dedé. Sentava-se numa das mesas do bar, ficava rodeado de pessoas que gostavam de ouvir suas historias engraçadas. Num desses momentos, perguntaram a Pedro: - Você já foi preso durante muito tempo, em a…