Dom Palmeira, resumo

By | 16.2.11 Deixe seu comentário
Dom Manuel Palmeira da Rocha foi o padre que mais tempo permaneceu em nossa paróquia (29 anos). Esse grande empreendedor não se resumiu as questões meramente paroquianas e demonstrou sempre muita preocupação com os mais pobres de nossa terra.
Construiu as capelas, instituiu congregações religiosas, instalou o serviço de som da paróquia e deu continuidade à construção do Colégio Diocesano de Esperança, iniciado em 1945. Também por sua iniciativa criou-se a Escola Doméstica de Pintura, Bordado e Arte-culinária, o Jardim de Infância Paroquial e a Escola de Aprendizes Alfaiates e de Corte e Costura, além dos Clubes de Mães e a Biblioteca Paroquial.
Ajudou a fundar o Sindicato Rural de Esperança e os Ambulatórios de Esperança, São Tomé, Massabielle e Areial, e a Casa de Saúde e Maternidade “São Francisco de Assis”.
Cidadão Esperancense desde 1963, participou de um curso de atualização teológica em Roma (1975/76) e foi, na nossa opinião, o maior benfeitor social desta cidade.
No detalhe da foto observamos o pároco em uma celebração e ainda o antigo altar da igreja matriz.

Rau Ferreira

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários: