A Biblioteca de Esperança e seu rico acervo

By | 6.2.11 Deixe seu comentário
A Biblioteca Municipal de Esperança “Dr. Silvino Olavo” possui um valioso acervo. Trata-se da coleção dos jornais da “A União” da Paraíba, que teve seu início na gestão do prefeito Manoel Rodrigues de Oliveira nos idos de 1925.
Órgão oficial do governo da Paraíba, o jornal foi fundado pelo Presidente da Província Álvaro Machado em 1893. Este importante veículo de comunicação era na época “o principal jornal da Paraíba” (ALMEIDA, p. 189). Aliás, o periódico servia a uma série de coisas: publicava atos oficiais, notícias, reclames, enfim faziam a interligação da Capital com o interior. E o seu suplemento de arte e literatura trazia além da moda parisiense os escritos dos mais importantes autores paraibanos, a exemplo de José Américo de Almeida.
Os volumes desta coleção encontram-se encadernados e em bom estado de conservação, servindo a acadêmicos e historiadores.
Suas páginas contam muito de nossa história. Ali encontramos, por exemplo, o discurso do Dr. Silvino Olavo – Esperança, Lyrio verde da Borborema – que foi por assim dizer o estopim da nossa emancipação política, além de outros fatos de suma importância para o município.
Na opinião do Dr. João de Deus Melo, juiz esperancense aposentado, esta é uma das mais ricas do Estado e coloca a cidade de Esperança num patamar privilegiado.

Rau Ferreira

Fonte:
-         ALMEIDA, Horácio. História da Paraíba. Vol. II. UFPB: 1997;
-         http://pt.io.gov.mo/Links/record/495.aspx, acesso em 26/01/2011;
-         FERREIRA, Rau. Silvino Olavo. Esperança/PB: 2010;
-         Jornal “Folha de Esperança”: Biblioteca de Esperança guarda acervo do Jornal A União. Por Vera Taveira. Edição nº 02. Ed. Jornalista Otílio Rocha. Esperança/PB: Dezembro de 2010, p. 04.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários: