Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Miss Esperança: 1986

No dia 05 de abril de 1986 aconteceu no CAOBE o “Concurso de Miss Esperança” sob a coordenação do jornalista Otílio Rocha, com o apoio do presidente do clube Sr. Otávio Alexandre. A festa contou com a presença de diversas autoridades, representantes dos municípios vizinhos e do público em geral, animados pela banda “Os Vikings” da cidade de Campina Grande que apresentou excelente repertório. A mesa julgadora era composta pelo Prefeito Luiz Martins de Oliveira, Sr. Eliziário Costa (Ex-Presidente do CAOBE), Sra. Erigone Curvelo e o empresário Antonio Barbosa Alves, além de políticos campinenses. A decoração ficou a cargo dos jovens Josenildo Araújo e Joselito Izidro. As beldades desfilaram modelos exclusivos e trajes de banho sob os olhares atentos dos esperancenses, que aplaudiam a cada nova entrada a coreografia ensaiada por Jefferson Augusto. Ao final, foi vencedora a candidata Gerlane Herculano de Almeida por decisão unânime dos jurados, cabendo o honroso 2º lugar a Srta. Aldenízia Rib…

Imagem: Inauguração do América

SOL: A questão dos Impostos

Em artigo publicado em 1929 para o jornal “A Província”, Silvino Olavo discorre sobre a questão dos impostos paraibanos, cuja polêmica era defendida pela “A União” frente a outros noticiários de oposião. A matéria, que foi republicada na Paraíba pelo órgão oficial do governo, ocupava duas páginas da edição do dia 06 de junho daquele ano. E trouxe um importante relato do governo paraibano na defesa de seus interesses: “O que a Paraíba está fazendo atualmente não é nada mais nada menos do que resistir com um ato instintivo de conservação”, escreveu Silvino. Nessa época era intensa a sua produção literária. Colaborava com a revista “Era Nova”, e em 1926 e passara a escrever para o jornal paraibano “A União” e o carioca “A Província”, além de dedicar-se as suas composições. No mesmo período, atuava como Chefe de Gabinete de João Pessoa e acompanhava o governador em suas viagens, além de participar do Clube dos Diários. “Os que se sentem afetados na reação que o nosso comércio faz para não d…

Annuário Parahyba, 1934: Propagandas

O “Anuário da Paraíba” de 1934 menciona quatro estabelecimentos comerciais de Esperança: a “Loja das Noivas”, a “Agência Chevrolet”, a “Pharmacia Oswaldo Cruz” e “A Boa Estrela”. Infelizmente não tivemos como trazer para o conhecimento dos público as imagens dessas propagandas, mas colacionamos aqui o seu conteúdo que tem relevante valor histórico.
LOJA DAS NOIVAS, casa fundada em 1897 de TEOTONIO T. COSTA. Completo sortimento ... Esperança – Paraíba”
GRANDE AGENCIA CHEVROLET – DE – FRANCISCO B. DA SILVA Agente da Standard Oil Company. - Representante dos afamados pneus Royal, Dunlop e Firestone. — Peças e accessorios . Rua Sólon de Lucena, 53 ESPERANÇA PARAHYBA”
PHARMACIA OSWALDO CRUZ. JOSÉ DE ANDRADE MELLO. Casa fundada em 1923. Especialidades pharmaceuticas nacionaes e estrangeiras. Drogas de superior qualidade para aviamentos de receitas médicas. Esperança – Paraíba”
A BOA ESTRELA — DE — SILVA FERREIRA. Completo sortimento de tecidos, perfumarias, calçados e chapéos. Artigos para s…

Tombamento: o velho e o novo

O patrimônio histórico e cultural é um bem comum de valor inestimável. A memória de fatos, épocas e períodos da nossa história interessa a todos, de modo que a sua preservação deve ser incentivada. Esta proteção se dá pela inervenção do Estado na propriedade com a colaboração da sociedade, que inclusive pode eleger as suas prioridades (CF, art. 216, §1º). E se efetiva através do tombamento de móveis ou imóveis que guardem as características anteriormente apontadas. Nesse sentido, o município ganha especial conotação considerando a sua proximidade com os anseios e a própria história da comunidade afetada. A Constituição Federal reconhece a competência municipal para legislar sobre proteção histórico-cultural, desde que respeitados os parâmetros estadual e federal (CF, art. 30, II e IV c/c o art. 24, VII). É necessário, pois, catalogar e registrar os bens de interesse local para em seguida traçar um plano que desemboque na criação da lei.
A matéria movimenta não só as secretarias de cultur…

HE: Novo designer

É com grande satisfação que apresentamos aos nossos leitores o novo "banner" do História Esperancense. A produção ficou por conta do designer artístico Janilson Andrade, um expert no assunto. A marca apresenta algumas fotos históricas da cidade e da antiga Capela de N. S. do Bom Conselho. Ao centro vê-se o lema do nosso blog e a assinatura do artista. As imagens utiladas nos dão a ideia de um passado glorioso e que precisa ser preservado; e este é nossa intenção. E foi com a criatividade que lhe é peculiar que o nosso amigo conseguiu assim traduzir os principais objetivos do blog. Além de excelente desenhista a mão livre, Janilson domina as ferramentas virtuais e consegue extrair bons resultados. Ele também é o responsável pelo banner do Andrade Notícias e ajudou a compor algumas das propagandas veiculadas por aquele noticiário. A História Esperancense tem muito a agradecer ao companheiro Janilson Andrade ao tempo que parabeniza pelo seu excelente trabalho.
Rau Ferreira

Concurso Miss Esperança 2010

O Concurso Miss Esperança edição 2010, está chegando a sua fase final. O evento é uma promoção da ativista cultural Vitória Régia Coêlho, com a participação do estudante de Publicidade e Propaganda Rodolpho Raphael. Ambos têm se empenhado bastante para realizar uma festa com muito glamour e pompa, a altura dos grandes concursos de miss realizados pelo país. O incansável Rodolpho participa de programas de rádio e faz toda a assessoria de imprensa, divulgando o certame, e tem conduzido muito bem o concurso a exemplo do I Top Esperancense ocorrido no final de 2009. Foram registradas 29 inscrições que exigiam da candidata a naturalidade esperancense, idade entre 18 e 25 anos e o estado civil solteira, além de outros requisitos. Das quais devem se classificar 10 jovens que disputarão o título. As beldades desfilarão no próximo dia 01 de maio no clube CAOBE de Espeança, para uma banca de 13 jurados especialistas no assunto. E a escolhida deve estar apta a participar dos concursos de Miss Paraí…

Escola Cantório (2a. Parte)

Nos anos 50 a Escola Cantório foi convidada pela madre superiora para participar de uma apresentação na cidade de Areia. De Início D. Hilda Batista relutou em aceitar, mas acabou cedendo ao pedido da religiosa. O coral era composto por 25 moças e 15 rapazes da sociedade esperancense, e costumava se apresentar nas missas e solenidades da cidade. A sua especialidade era o cântico orfeônico e litúrgico, muitas vezes acompanhado pela serafina tocada por dona Júlia Santiago. Dona Hilda, que havia aprendido noções de música quando estudou no Colégio das Damas, em Campina Grande, partilhava os seus conhecimentos com estes jovens, exigindo deles apenas muito empenho e dedicação.
Sem conhecer partitura, esta senhora “dirigia o coral com o dedão do pé, fazendo o compasso”. Contudo, sua técnica vocal era reconhecida por quem entendia de música. Esse diferencial fizera a fama do seu coro e o tornara bastante requisitado na região. E era isso o que ela procurava passar para os seus alunos. Na época nã…

América de Esperança: 64 Anos de glória

Segundo a história, o “Mequinha” surgiu de uma dissidência do São Cristovão. Vinte e um jogadores uniram-se e assinaram em caráter irrevogável o desligamento do clube para fundar o que viria a ser o América F. C. de Esperança, que após uma série de reuniões, assumiu a condição efetiva de time no dia 21 de abril de 1946. Em 1954 José Ramalho projetou o time profissionalmente e durante a sua gestão a frente do clube realizou o maior empreendimento da agremiação: a construção do seu estádio. A solenidade de inauguração contou com a presença do Treze F. C. na partida principal, disputando a “Taça Esperança”. De lá para cá o América participou de diversos campeonatos e excursionou inclusive na Espanha (1991), representando muito bem o nosso futebol. São exemplos desta boa fase o Paraibano de 75/76; 2ª Divisão 94/95; série “C” do Brasileirão (1994) e Liga Paraibana (1998), apenas para citar. Recentemente a equipe de Futsal do clube sagrou-se bi-Campeã de um torneio realizado na cidade de Rem…

Irineu Joffily e suas raízes

Não se sabe ao certo o seu local de nascimento. Há quem diga que esse era natural dessas paragens, o que para nós seria uma grata satisfação. Irineo Joffily foi um dos grandes historiadores do seu tempo quando a cavalo, percorreu todos os marcos deste Estado para escrever as suas “Notas sobre a Parahyba” (1892) e “Sinopses das sesmarias da Capitania da Parahyba” (1893). A Paraíba deve seu contorno geográfico atual graças aos trabalhos deste incansável pesquisador. “Nascido na casa das lascas, Banabuyê, fazenda Lajedo, lugarejo de Pocinhos, hoje município de Esperança.[1]”, no dia 15 de dezembro de 1843 e falecido em 08 de fevereiro de 1902, Irineo Joffily foi jornalista, redator, advogado, político, geógrafo, promotor etc.
O seu neto escreve [2] comentando as suas Notas, que: “Tenha-se como certo que o próprio JOFFILY deveria ter fornecido tais dados ao prefaciador de sua obra, deixando de lado o exato ponto de seu nascimento para se referir apenas ao local onde fato passou toda a sua …

Padre João de Deus Lira

O Padre João de Deus Lira da Costa nasceu em Esperança/PB no dia 31 de maio de 1956. É filho do casal Berto Apolinário da Costa e Maria de Lourdes Lira da Costa.
Ingressou aos 23 anos no Seminário Diocesano “Imaculado Coração de Maria”, em Anápolis – GO. Cursou Filosofia (1979-1981) e Teologia (1982-1985) na Universidade do Mosteiro dos Padres da Santa Cruz, também em Anápolis. E ordenou-se Presbítero no dia 08 de dezembro de 1985, pelas mãos de Dom Manoel Pestana, Bispo Diocesano de Anápolis. Exerceu o Ministério Sacerdotal nas paróquias de Santo Antônio (Anápolis/GO), Nossa Senhora da Penha (Corumbá de Goiás/GO), Santa Maria Eterna (Petrolina de Goiás/GO, Nossa Senhora do Rosário (Santa Maria do Cambucá/PE), Nossa Senhora da Conceição (Barra de Santa Rosa/PB) e Santa Teresinha do Menino Jesus (Massaranduba/PB) Padre João de Deus é atualmente o Vigário da Paroquia do Bom Conselho, e exerce o seu ministério sacerdotal em sua terra natal. Muito querido pelos paroquianos, tem um espírito t…

Loja "Ideal", 1930.

Foto de 1930 onde se vê a fachada da antiga Loja "Ideal", de Manoel Rodrigues de Oliveira. No centro do prédio, observa-se as iniciais de seu proprietário.

Daqui a alguns dias iremos apresentar o "antes" e o "depois" deste prédio histórico.

Rau Ferreira

Fonte:
- Acervo particular.

Homenagem ao Dr. Vital

O Dr. Vital do Rêgo – Conselheiro vitalício da OAB/PB e ex-Deputado Federal – faleceu no dia 02 de fevereiro do corrente na cidade do Recife-PE. Na época escrevemos um poema em homenagem a este grande homem público.
Hoje para a nossa grata satisfação tivemos a notícia de sua publicação no “Blog do Vitalzinho”, fazendo parte do Tributo ao Dr. Vital. Eis os versos:
                     VITAL
Poucos são os homens que marcam E poucos tem uma marca para deixar; O homem do preto fuscão Na eternidade foi morar Deixando enlutada a Campina A terra do seu coração.
Onde mais irão encontrar No Escritório, no Calçadão... Os órfãos da justiça a perguntar Em busca de solução Pois o seu grande tribuno Na eternidade foi morar.
Chora Campina e a Paraíba faz chorar! Saudades de quem deixou O pupito vazio a reclamar. Vital! Vital! Na eternidade foi morar.
Rau Ferreira

Fonte: - http://vitalzinho.com.br/blog; acesso em 14/04/2010.

O Retorno do Dragão

Pouca gente sabe mas as dependências do clube Caobe foram palco das gravações de um filme de Kung-fu. Entre julho e agosto de 1993, dois intrepidos jovens esperancenses resolveram filmar a saga do que seria o primeiro filme genuinamente nosso: Return of the Dragon.
As filmagens duraram cerca de duas semanas, tendo como locação o palco principal e a quadra daquele sodalício. Cerca de vinte pessoas estavam engajadas na sua realização, dentre figurantes e pessoal de apoio, além dos atores principais. O projeto foi custeado pelos próprios idealizadores. Nas suas semanas que se seguiram ao final das gravações foram feitas as edições, com cortes de imagens e adição de legendas, efeitos e fundo musical, seguindo a risca o roteiro previamente escrito. O filme narra a história (e é história com 'h' mesmo!) de um discípulo que se revoltou contra o seu mestre ocasionando uma disputa entre duas academias rivais. A película marcou a década de 90 pelo seu pioneirismo, e que bem poderia ser consi…

Juviniano Sobreira

O professor Juviniano Augusto de Araújo Sobreira nasceu na Fazenda Cabeça de Boi no ano de 1855; sendo filho do também educador Manuel Gomes de Araújo Sobreira, que exerceu o magistério nas cidades de S. Sebastião e Areia, e progenitor do Coronel Elísio Sobreira, Ex-Comandante e atual Patrono da Polícia Militar da Paraíba.

Casado com a Sra. Maria Augusta Sobreira de Carvalho, que em 1889 recebia do Tesouro Provincial o aluguel de uma casa para funcionamento do Ensino Misto de Instrução Primária nesta cidade, onde ela também lecionava.
Juviniano Sobreira foi proprietário de um externato em Esperança e prestou igualmente relevantes serviços à educação. Consta que quando a família do Coronel Cândido veio morar em Esperança, o poeta Silvino Olavo da Costa aprendeu suas primeiras lições com o casal Juviniano e Maria Augusta Sobreira. Dona Maria também foi professora do escritor esperancense Epaminondas Câmara, quando este residia nesta cidade.
Faleceu em 23 de abril de 1905, na cidade de Cam…

SOL: Em defesa da Paraíba

No dia 03 de fevereiro de 1929, o nosso querido Silvino Olavo, na condição de Chefe de Gabinete do então Governador da Paraíba, o Dr. João Pessoa, publica um artigo de capa na edição do domingo de “A União”, órgão oficial do Estado.
Na ocasião, o Superior Tribunal do Rio de Janeiro havia extendido os efeitos de um habeas-corpus a 74 motoristas, denominados de “chauffeurs”, anteriormente impetrado em favor de três. Discutia-se a legalidade da cobrança da taxa de viação nas rodovias paraibanas. A lei, que teria sido aprovada pela Assembléia Estadual e sancionada pelo governo, havia sido questionada frente a Corte Superior por suposto “constrangimento”, vez que criava um obstáculo aos transeuntes e os proprietários de veículos. A que o remédio jurídico mencionada tornava inócua sua aplicação. Silvino Olavo, por sua vez, faz uma breve exposição dos fatos comparando com o direito vigente. E para tanto, cita o §22 do art. 72, da Constituição Republicana (1891), que menciona as hipóteses de con…

José Ramalho: o apito final

Este ano completa 45 anos do falecimento do maior desportista e visionário que Esperança já teve: José Ramalho da Costa, ocorrido em 15 de novembro de 1965. “Um homem a frente de seu tempo”; um abnegado e sem sombra de dúvidas o grande incentivador do esporte local. Não é demais lembrar a sua importância para o América F. C. de Esperança, cujo patrimônio sólido foi integralizado pelo seu empenho pessoal.
Responsável pela profissionalização da equipe na década de 50 e construção do seu estádio, praticava um futebol que era respeitado em todo o brejo paraibano mesmo diante de equipes do porte do Treze e Campinense. Seu espírito desbravador o fez iniciar no comércio ainda jovem, contando apenas 25 anos de idade. E em pouco tempo se destacou entre os principais empresários do ramo de estivas. Mas a sua participação não se resume ao futebol e ao comércio. No campo social, administrou o Esperança Clube (1950), onde promoveu grandes festas e bailes de carnaval e trouxe para esta cidade a reno…

Diogo Batista: A voz de ouro da seresta

O esperancense Diogo Batista nasceu em março de 1927 e faleceu no dia 05 de setembro deste ano. Para nós, um dos grandes nomes da serestas. Bastante solicitado, deliciava os ouvintes passeando com afinidade pela velha guarda. Canções de Orlando Silva e Nelson Gonçalves, soavam melhor na interpretação de Diogo. Dono de uma voz impar, gravou em 1991 pela Sony do Recife o disco “A Voz de Diogo”, com 10 músicas do cancioneiro nostálgico, realizando assim o seu grande sonho.
Em sua carreira, ganhou vários troféus e recebeu muitas homenagens. E no seu auge, chegou a se apresentar na Rádio Tabajara de Joã Pessoa, e também brilhou nos palcos da AABB e no Teatro Santa Rosa, da capital paraibana. Faleceu aos 83 anos, vítima de um câncer de pancrêas. Era casado com a Sra. Jacyra Batista, com quem teve cinco filhos. E será sempre lembrado como “A voz de ouro da seresta”.
Rau Ferreira
Fonte: - Esperança e sua gente: Inácio Gonçalves, 1994 – p. 48; - http://noticiaesperancense.blogspot.com/, em 06/09/09.

Joelmir Ribeiro: jeito novo de fazer rádio

É comum a participação de jovens na rádio comunitária de Esperança, a exemplo de Beto Show e Ilson Sideral, e do jornalista Joseilton Belarmino. Eles vem fazendo escola e ensinando um jeito novo de fazer rádio. E nessa categoria um dos brilhantes comunicadores de destaque nos últimos tempos é o garoto Joelmir Ribeiro. Ele apresenta um show de variedades que é transmitido pela Ban Fm (87,9 Mhz), de segunda à sexta, a partir da 14:30 horas, cujo título é bem sugestivo: Programa Mundo Jovem. Segundo nos informa o site da Ban, o objetivo é levar “ao ouvinte muita interatividade, atualidades, brincadeiras, sorteios, músicas e muito mais”. Joelmir além de locutor, é também produtor e diretor e se autodefine como um ''jovem que gosta de resgatar o que é bom dando oportunidade ao novo''. Costuma interagir bastante com os ouvintes, deixando sempre um canal aberto para a participação através do telefone da rádio o que lhe garante uma boa audiência. Brincadeiras como “A maleta” e …

Povoação de Esperança

Esperança sempre foi citada como um “recanto aprazível”, um lugar bom de se morar, não só pelo seu clima ameno mas por sua localização privilegiada; e sua gente foram sempre as mais acolhedoras da região. Em 1892 Irineu Joffily cita em sua obra que “Banabugê ou Esperança, grande e aprazível povoação, (...) era simplesmente uma fazenda de criação, quando pela sua feliz situação foi escolhida para o estabelecimento de uma feira de gêneros alimentícios, que foi a sua origem”, acrescendo que ela possuía “uma espaçosa e bonita igreja, a melhor da freguesia e a sua feira é uma das mais frequentadas”. Por sua vez, registra Coriolano de Medeiros em 1914, que esta povoação pertencia a Alagoa Nova, da qual ficava a 15 kilômetros e já contava com um número de 800 habitantes, fazendo as seguintes considerações: “Tem boa edificação, bem construida egreja de NS do Bom Conselho, agencia de correio, escolas primárias, commercio regular, e aos sabbados realisa animada feira. (....) é de aspecto pittores…

Pedro José de Andrade

O comerciante Pedro José de Andrade, popular “Pedro Lourenço”, nasceu no Alto do Seixo, Síto Boa Vista de Esperança, no dia 26 de junho de 1935, sendo o terceiro filho de uma prole de 13 do casal José Lourenço de Andrade e Regina Delfina da Conceição. Estudou no Grupo Escolar de Lagoa de Pedro com o Professor “Costinha”, onde aprendeu as primeiras letras. E começou a trabalhar muito cedo, arando terras de seu pai no Sítio Massabielle e carregando água para casa, atendendo a pedido de sua mãe. Uma grande seca porém, tirou-lhe o gosto pela agricultura. A partir daí decidiu seguir a profissão do pai: marchante. Passou a acompanhar seu genitor percorrendo as localidades de região comercializando carnes daqui até o Brejo de Areia. Na época, se transportava alimentos no lombo de jumentos, eram os chamados “tropeiros”. Na década de 50 Pedro e seu irmão Epitácio resolveram abrir uma mercearia próximo ao local onde iria ser construído o Mercado Público de Esperança. As fracas vendas levaram ao fi…

História Esperancense: 10.000 Acessos!

Hoje o “História Esperancense” superou a marca dos 10.000 acessos. Em pouco menos de 10 meses de criação o blog já recebeu mais de 10.000 visitas de internautas, a quem agradecemos as inúmeras manifestações de apoio e incentivo, especialmente aos nossos seguidores e colaboradores, como Evaldo Brasil e Jailton Medeiros. Dentre as pessoas que nos acompanham, citemos a Srta. Rosineide Veríssimo, que mora na Suissa; o juiz Fábio Ataide; a Comunidade “Esperança – Melhor Cidade”; a nossa amiga Sônia Siqueira, sobrinha de Silvino Olavo; o companheiro Emmanuel do “RHCG” e os queridos Darlan, Therezinha, Doginho, Zé Matuto do Cordel, Adson, Iderlânio, Wander Rudney, Leydiane, Maria Natalícia, Robéria (Ró), Jean Andrade (do “Andrade Notícias”) e o professor Sandro do “Sintab”, entre tantos outros amigos que fizemos ao longo desta caminhada. Os nossos mais sinceros agradecimentos. Para vocês, a cada dia, estamos nos esforçando para mostrar o que Esperança tem de melhor e fazer sempre o resgate de …

Andrade Notícias

Estreou recentemente (03/2010) em Esperança mais um canal de informação. Trata-se do “Andrade Notícias”, do nosso companheiro Jean Andrade. De cara, noticia uma possível vinda da esquadrilha da fumaça para a cidade de Esperança. E foi o primeiro a publicar as fotos da “Paixão de Cristo de Esperança”, cuja encenação teve início anteontem (30/03/2010) no Estádio José Ramalho da Costa. Outra matéria interessante é sobre o “Bloco do Jorge”, mostrando o lado irreventente deste diário. Muitas empresas locais já aderiram a ideia e tem apoiado a iniciativa deste jovem comunicador esperancense. Quem quiser conferir é só visitar o link: http://andradenoticias.com/.
Rau Ferreira
Fonte: - Jean Andrade: http://andradenoticias.blogspot.com/, acesso em 31/03/2010.