Pular para o conteúdo principal

Silvino Olavo no Clube dos Diários


Silvino Olavo da Costa, além de intelecutal, ao que parece, costumava participar da vida social das cidades.
Samuel Duarte [1], referindo-se ao poeta, nos diz que ele fazia “versos e danças no Clube dos Diários”; um verdadeiro dandy que as moças tinham por “inteligente e simpático”. E João de Deus Maurício, em seu livro [2], acentua que ele era um rapaz de boa aparência.
Prova disso é a publicação da nota de 11 de maio de 1925, no Jornal “A União” do Estado da Paraíba. Este periódico anuncia em sua capa o festejado baile do “Clube dos Diários”, que se realizaria na capital paraibana em honra da senhorita Elmar Pinto, rainha dos estudantes do Liceu.
A festa era dirigida por uma comissão que tinha a frente dos trabalhos o Sr. Izidro Gomes, da qual também participava o Dr. Silvino Olavo e Adhemar Vidal.
Certamente o nosso querido poeta marcou presença na ocasião, encantando a todos com o seu charme poético.
No detalhe da foto, a publicação original de “A União

[1] Em seu artigo “Sombra Iluminada”, escrito para “A União” em 08/01/1928.
[2] No livro: “A Vida Dramática de Silvino Olavo” (1992).

Rau Ferreira

Fonte:
- Jornal “A União”, órgão oficial do Governo do Estado da Paraíba, edição de sábado, dia 11/05/1929;
- Jornal “A União”, órgão Oficial do Governo do Estado da Paraíba, Suplenento Arte e Literatura, artigo de capa, Domingo, 08/01/1928;
- Livro: A vida dramática de Silvino Olavo, autoria de João de Deus Maurício - João Pessoa/PB, Unigraf, 1992.

Comentários

  1. efetivamente ele participava da vida intectual o e cultural como um bom poeta que era

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário! A sua participação é muito importante para a construção de nossa história.