Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2009

Filarmônica 1º de Dezembro

A "Filarmônica 1º de Dezembro" surgiu em 1925, ano da emancipação política do município de Esperança, no então governo de Manuel Rodrigues de Oliveira. Na época, era comandada pelo maestro norte-riograndense Pedro Lúcio.

Esta banda, tão conhecida em nossa cidade, é composta por diversos integrantes que se apresentam nos dias festivicos e cívicos da cidade. Ela também já funcionou como Escola de Música para jovens.
No ano de 1973, ela foi regulamentada pela Lei Municipal nº 274. E em de 1983, ganhou o primeiro lugar da Gincana Cultura “Descubra a Paraíba”, executando o hino popular da capital paraibana “Meu sublime torrão”, sob a regência do maestro José Alves Filho, major da Polícia Militar da Paraíba.
             Fazem parte da sua história os músicos José Luiz e Joaquim Soldado.
             No detalhe da foto, a Filarmônica 1º de Dezembro no desfile cívico de 1976.

            Rau Ferreira

Fonte:
- Livro do Município de Esperança, Ed. Unigraf, 1985 – p. 55;
- Esperança e sua gen…

1ª FERCOM - Feira do Comércio de Esperança/PB*

A cidade de Esperança/PB estará realizando na próxima semana a I FERCOM – Feira do Comércio, Indústria, Artesanato e Serviços*, que acontecerá nos dias 04, 05 e 06 de dezembro de 2009.
Haverá “stands” com exposição de artesanato e produtos do comércio local a partir das 8h da manhã. E a noite teremos shows com bandas de forró (confira a programação). Esta é uma ótima oportunidade para as pessoas fecharem negócios. O evento acontecerá na semana que a cidade completa 84 anos de emancipação política, o que abrilhantará ainda mais as comemorações.
Programação:
                                             Dia 04/12 - Forró Moral e Balanço Gostoso                                              Dia 05/12 - Furacão do Forró e Forró do Ribuliço                                              Dia 06/12 - Colo de Menina e Gilson e Mania de Pagodiar
                                            Rau Ferreira
* O evento aconteceu em 2009 e foi um grande sucesso.

Fonte: - http://www.iparaiba.com.br/, 26/11/2009; - htt…

Jovem aos 84 anos!

No próximo dia primeiro de dezembro a cidade de Esperança estará em festa. A terra de Silvino Olavo, Elísio Sobreira e tantos vultos ilustres completará 84 anos de emancipação política. Para comemorar a data Prefeitura local organizou uma vasta programação.

A alvorada será executada às primeiras horas da manhã, pela Fanfarra Simples Municipal “Severino Ramos Pereira”. Em seguida, teremos a celebração de uma missa solene pelos padres José Alexandre Moreira e João de Deus Lira. E na sequências, o hasteamento dos pavilhões municipal, estadual e nacional na Praça da Cultura, enquanto que a Filarmônica “1º de dezembro” tocará uma retreta.
Pela manhã estão previstos ainda um passeio ciclístico, com o sorteio de três bicicletas entre os participantes.
A tarde as equipes do América local e do Campinense-CG disputarão um jogo amistoso no Estádio “José Ramalho da Costa”. Enquanto que nas ruas centrais da cidade haverá desfile e uma exibição de motociclismo.
Logo após, teremos o discurso do Prefeit…

Imagem da História

1975 - Prédio da Prefeitura (atual INSS)
Rua Manuel Rodrigues

Entrevista: Magna Celi

A poesia é a arte de falar aos corações. E ninguém que eu conheça consegue traduzir tão bem essas emoções como Magna Celi de Souza. Desde a sua estréia em 1982 com “Caminhos e Descaminhos”, têm inscrito o seu nome entre os grandes nomes da poesia paraibana. Esta esperancense que tanto nos orgulha é filha do saudoso casal José Meira Barbosa e Maria Duarte Meira. Graduada em Letras [1] e filosofia pela UFPB, Mestra em Literatura Brasileira, ensinou durante 21 anos no Curso de Letras da Universidade Federal, e por dez anos na antiga Escola Técnica Federal, atuando ainda em diversos colégios da capital. Atualmente escreve artigos e ensaios para revistas literárias, sendo muito solicitada para conceder palestras sobre literatura. Casada com o eminente professor Francelino Soares de Souza, e mãe de cinco filhos, ela ainda encontra tempo para atuar junto a Ordem Rosacruz e psicografar livros. Seus principais hobbies são: a leitura, o piano e o bordado.                       Entre as suas pu…

Juizado Municipal de Esperança (1925)

O Juízo Municipal de Esperança/PB foi criado em 1925 pela Lei nº 624, que emancipou o município de Esperança e igualmente tornou independente o judiciário local.

A publicação se deu no Diário Oficial em 01 de novembro de 1925, mas a instalação ocorreu no dia 31 de dezembro no Paço Municipal, cuja ata reproduzimos a seguir:

“Aos 31 dias do mês de dezembro de 1925, no átrio do Paço Municipal, pelas treze horas, foi pelo Doutor João Marinho daSilva, Juiz Municipal, declarado instalado o Termo Judiciário de Esperança criado pela Lei nº 624, de primeiro de dezembro de mil novecentos e vinte e cinco; do que para constar fiz este termo que assino
                                                    (as) João Marinho da Silva – Juiz Municipal.
                                                    Theotônio Cerqueira Rocha – Adjunto de Promotor
                                                    Manuel Rodrigues de Oliveira – Prefeito
                                                    Theotônio Cost…

Cronologia da educação no município de Esperança

1872: José de Morais Magalhães foi o prmieiro professor da Vila Banabuyê.
1885: Aurora Maria Albuquerque Lima era professora interina da cadeira mista primária.
1889: Maria Augusta Sobreira de Carvalho recebia do Tesouro Provincial o aluguel de uma casa onde funcionava a instrução primária, sendo ela também professora.
1915: O professor Juviniano Augusto de Araújo Sobreira, dono de um externato em Esperança, dá aulas a Silvino Olavo.
1918: Era criada pela Lei nº 9 926, a cadeira masculina de Instrução Pública.
1919: No dia 02 de abril o Decreto Estadual nº 1.012 converte a cadeira feminina de Instrução Pública.
1927: É criada a cadeira elementar de instrução pelo Decreto Estadual nº 1.468, de 22/02/1927. E no dia 03 de março toma posse a professora Ana Gabínio de Carvalho na Cadeira Elementar do sexo feminino da Vila.
1928: Em 19 de março desse ano, Nauta Costa presta compromisso para o cargo de Adjunta da Cadeira Elementar Mista. E no dia 19 de abril, foi a vez da professora Rachel Cunha …

Imagem da história

Filarmônica 1º de Dezembro na Rua Manuel Rodrigues


Rau Ferreira

Fonte:
- Arquivo pessoal.

Basto de Tino e José Coêlho, ilustres poetas esperancenses

Lembramos aqui os ilustres poetas esperancenses do passado: Sebastião Florentino e José Coêlho, a quem faremos uma breve homenagem de sua obra.
Sobre Sebastião Florentino - "Basto de Tino" - não temos muito a dizer. Em nossas pesquisas encontramos uma pequena referência no livro “50 Anos de Futebol e etc.”, de Francisco Cláudio de Lima.
Segundo o autor, ele fez parte da diretoria do Palestra Futebol Clube, agremiação surgida entre 1935 e 1937, e que teve grandes jogadores como Piaba, Biu Porto, Zé Simão e Negrinho Liberato. E também compôs o seu hino, que por sinal era muito bonito.
Segundo depoimento do saudoso Martinho Soares dos Santos, o obelisco construído sob o lagedo do Tanque do Araçá, na Beleza dos Campos e popularmente conhecido como “Capelinha”, possui hino próprio sendo uma composição do músico Sebastião Florentino, “Basto de Tino”, em homenagem à Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.
Assim é que o grande músico e violinista Basto de Tino nos deixou essa pequena quadra:

A voz livre de Esperança

A rádio comunicação também marcou época em nossa cidade, nas vozes de Ernani Santos e Pedoca.

Em 1952 Esperança se resumia a poucas ruas, onde se instalou os projetores de som do “Serviço de Alto Falante Voz Livre de Esperança”, espalhados num limite de 500 metros para uma melhor recepção. Era a rádio cultura que, em certa época, chegou a incomodar o regime militar. O seu proprietário, Ernani Santos, em entrevista concedida ao jornalista Jacinto Barbosa1 para o site virgulino.com, relatou que se lia “notícias da UDN, do PSB e do Partido Comunista. Mas o que não agradava aos homens tinha que ser descartado”, fato esse que certa vez rendeu o recolhimento dos equipamentos pelo exército brasileiro, sob a alegação de ser um “veículo comunista”.
Sua ousadia era tanto que em 1959 chegou a criar um programa de auditório, onde se reunia os artistas da terra, tais como: Euclídes Rodrigues (seresteiro e violinista) e os românticos Pepê e Zé Cabugá. Era a chamada “ACY-7”, localizada no início da R…

Novo recorde!

O blog "História Esperancense" bateu nesta manhã de hoje um novo recorde de visitantes, foram 116 acessos num único dia. Agradecemos a todos os internautas que fazem deste memorial esperancense um site de grande sucesso.

Rau Ferreira

A Sanbra de Esperança

O algodão foi um importante produto em nossa região. Em Esperança não foi diferente, tínhamos uma grande produção desta monocultura, por esta razão instalou-se aqui uma filial da SANBRA nas décadas 30/40. Conheça um pouco mais desta história.
Nos tempos áureos o algodão era conhecido como “ouro branco” devido ao seu alto valor de comércio. Não poucas foram as empresas que beneficiaram o produto na Paraíba, mas dentre elas se destacou a SANBRA – Sociedade Algodoeira do Nordeste S/A, além de trabalhar com o agave e óleo.
Assim como Campina Grande, a cidade de Esperança/PB também teve uma filial desta empresa. Localizada na rua Sebastião Araújo, com amplas instalações, ela adquiria grande parte da produção local.
Registros históricos dão conta que funcionavam na época quatro “bulandeiras”, com vários motores para descaroçamento do algodão.
“Era constante o trafego de tropeiros com significante número de burros pelas ruas e estradas de Esperança” (Livro do Município, p. 35).
Os principais mot…

Esperança tem ruas asfaltadas

Algumas ruas do centro da cidade de Esperança/PB foram asfaltadas neste final de semana, faltando apenas a sinalização horizontal. 
A obra foi implementada pelo consórcio das empresas que está fazendo o recapeamento da BR 104, mediante recursos próprios da Prefeitura Municipal na ordem de R$ 270 mil.
A cidade ficou bem mais bonita e convidativa e melhor de se trafegar, citemos apenas como exemplo as ruas Solon de Lucena, João Pessoa e Joaquim Virgolino, que possuem um trânsito mais intenso.
Ainda em relação ao asfaltamento, foram excluídos os sonorizadores das ruas Monsenhor Severiano (Rua Paroquial) e Senador Epitácio (Rua do Boi), cujas vibrações estavam provocando rachaduras nas casas circunvizinhas.

Rau Ferreira

Fonte:
- noticiaesperancense.blogspot.com, acesso em 23/11/2009.

A vida acadêmica de Silvino Olavo

Trazemos aqui em poucas linhas o histórico acadêmico do poeta esperancense Silvino Olavo. Sua trajetória literária e a experiência junto ao Governo do Estado, num pequeno resumo biográfico.
Como se sabe, Silvino Olavo nasceu no dia 27 de junho de 1897, na Fazenda Lagoa do Açude, filho primogênito do casal Manoel Joaquim Cândido e Josefa Martins Costa. Sendo batizado naquele mesmo ano.
Em 1915 sua família decide morar em Esperança. Aqui ele teve as suas primeiras lições com Joviniano e Maria Augusta Sobreira.
O professor Juviniano Augusto de Araújo Sobreira, nasceu em 1855 na Fazenda Cabeça de Boi, e foi proprietário de um externato na cidade de Esperança. Sua esposa, prestou igualmente relevantes serviços à educação esperancense.
Consta ainda que em 1889 Maria Augusta Sobreira de Carvalho, recebia do Tesouro Provincial o aluguel de uma casa para funcionamento do Ensino Misto de Instrução Primária, onde também lecionava.
Logo após foi estudar em João Pessoa, no Colégio Pio X, tendo concluí…

Retalhos da memória campinense

Descobri esta semana um ótimo espaço de cultura e memória. Trata-se do blog “Retalhos históricos de Campina Grande”, que agora apresento para os nossos leitores.
O blog é uma criação de Adriano Araújo e Emmanuel Souza e uma das grandes revelações deste ano.
Com pouco mais de quatro meses de vida, tem garantido muito sucesso e já chamou a atenção até do Jornal da Paraíba, que publicou uma matéria assinada por Astier Basílio em seu caderno “Vida & Arte” (25/11/09, p. 3).
O site tem um visual elegante e confiável e vem prestando um ótimo serviço à memória de Campina Grande/PB, razão pela qual foi chamado de “Museu Eletrônico”.
Suas matérias, todas bem fundamentadas, vão desde as origens da cidade até fatos mais recentes; passeando por entre as figuras populares e pitorescas da cidade, constituindo-se numa boa ferramenta de pesquisa para estudantes e um deleite para nós amantes da história.
O seu acervo é invejável. Possui inúmeras fotografias históricas, além de vídeos e músicas relacio…

Votação apertada!

A eleição do nosso logotipo está tendo um a votação apertada. Até agora registramos 4 x 4 contra e a favor. A poucas horas do seu término quem decidirá este resultado? Quem irá desempatar?! Rau Ferreira

Noticia Esperancense chega as 30 mil visitas e apresenta logomarca do portal

Com poucos meses de existência o “Notícia Esperancense” venceu fácil a barreira dos 30 mil acessos e às vésperas do lançamento do seu portal de notícias, nos brinda com a inédita logomarca do NE! e uma matéria exclusiva que nos foi enviada pelo seu Administrador: Rodolpho Raphael. Boa leitura! Rau Ferreira
Noticia Esperancense chega as 30 mil visitas
e Apresenta a Nova Logomarca do seu Portal

Completando oito meses de caminhada no Noticia Esperancense, temos a honra de agradecer a todos os internautas pelos 30 mil acessos. Em menos de um ano de existência, o Blog Noticia Esperancense conquistou não somente a confiança do internauta Esperancense como também de internautas de todo Brasil e do mundo a fora se tornando referência quando o assunto é notícias da cidade de Esperança.
Nesse tempo, o Noticia Esperancense recebeu o apoio de jornalistas, como também de blogs da Paraíba a exemplo do "Alma Corsária” da cidade de Campina Grande, idealizado por Emmanuel Souza, e o "História …

Foto: Esperança, década de 60

Para o deleite de nossos leitores postamos uma imagem antiga do centro de Esperança/PB na década de 60. A foto é uma raridade e pertence ao nosso arquivo pessoal, que aos poucos iremos divulgar neste blog. Leia no texto nossos comentários e veja a imagem ampliada. A fotografia a seguir retrata o centro da cidade de Esperança/PB na década de 60. No detalhe observamos o Comercial Santa Terezinha, uma das lojas mais antigas da cidade. E na lateral, a rua Solon de Lucena na calçada da Panificadora Imperial. Rau Ferreira


Veja outras fotos antigas no link "Imagens" na barra de menus. E envie-nos suas fotos antigas para que possamos divulgar neste diário. Para isso, utilize nossa caixa de mensagens. Agradecemos sua contribuição.

Rau Ferreira

A fábrica de redes de Esperança/PB

Existia em Esperança uma fábrica de redes que tinha uma grande produção, capaz de atender vários Estados do Nordeste.



Funcionou antigamente em Esperança/PB uma fábrica de redes, cujo proprietário era o Sr. Pedro Calixto do Nascimento.

A sua manufatura era capaz de abastecer os Estados do Maranhão, Pernambuco, Mato Grosso e São Paulo, e a matéria-prima (algodão) provinha da própria região.
Essa industria era sediada na Rua Sebastião Nicolau e foi um marco importante dentro da nossa vocação comercial.
As máquinas zoavam diariamente e davam emprego para muitos esperancenses.
Segundo o historiador João de Deus Melo[1], ela permaneceu ativa de 1940 a 1960. Hoje resta-nos tão somente a saudade deste tempo glorioso.

[1] Consoante escreveu em seu artigo “Esperança – um pouco da sua história”, para a Revista do Fisco, N. 364, setembro de 2008.

Rau Ferreira

Fonte:
- Livro do Município de Esperança, Ed. Unigraf, 1985 – p. 80.
- Revista Fisco – Ano XXXVIII - N. 364, Setembro-2008 – p. 12/13.

Britador realiza ação cultural

Matéria publicada em 2009
Está previsto para hoje (21/11) a mostra cultural “Britador em ação”. As atividades deverão ter início às nove horas da manhã. Saiba um pouco mais deste evento e sua programação. Os moradores do bairro do Britador, na zona leste da cidade de Esperança/PB, devem promover neste sábado (21/11) a sua primeira mostra cultura denominada “Britador em ação”. O início está previsto para as 09:00 horas da manhã e deve apresentar música, maculelê, roda de capoeira e dança de rua. Na programação haverá também uma palestra abordando a “Consciência Afro-brasileira” e o encerramento será em praça pública, com a banda “Forró Feitiço”. É o primeiro evento na cidade desde a Conferência de Cultura realizada no município e busca promover a integração das comunidades e estimular o conhecimento das várias culturas. Na oportunidade, serão arrecadados alimentos não perecíveis para distribuição entre as pessoas carentes da própria comunidade. Esperamos que iniciativas como essas sejam im…

Nossa produção literária

Esperança é uma terra multicultural. Desde a sua emancipação, ocorrida em 1925, não são poucos os filhos da terra que se embrenham nas artes. Temos músicos, pintores, atores e especialmente escritores. Trazemos a baila, neste artigo, a cronologia das principais publicações de esperancenses.




1924: O poeta Silvino Olavo da Costa publica dois livros, “Cisnes” (poesias) e “Estética do Direito” (tese).

1925: “Esperança: Lírio Verde da Borborema”, discurso de Silvino Olavo.

1927: De Silvino Olavo temos ainda as publicações “Cordialidade: Estudo literário” e “Sombra Iluminada”.

1982: A poetisa Magna Celi de Souza edita o seu primeiro livro “Caminhos e Descaminhos”.

1985: Roberto Cardoso e Marinaldo Francisco reeditam num só volume “Cisnes e Sombra Iluminada” de Silvino Olavo. Nesse ano Espeança ganhou o “Livro do Município de Esperança”, do Projeto Gincana Cultural, e também “Sangue e Luz”, de Magna Celi de Souza.

1990: “Passeio no varal”, de Magna Celi de Souza e “Esfera quadricular”, de Carmita…

Entrevista: Rodolpho Raphael

A menos de um mês do lançamento do site “Notícia Esperancense”, trazemos a biografia do seu idealizador e responsável.

Um comunicador social, assim defino o brilhante Rodolpho Raphael de Oliveira, administrador do blog “Notícia Esperancense”, filho de Antonio Rafael e de Maria do Carmo Oliveira, nascido em 19 de dezembro de 1990. Católico por convicção, integra o grupo jovem da Igreja, o movimento EJC e a Pastoral da Música. Iniciou seus estudos na antiga Escola Paroquial (atual Dom Palmeira) com a Professora Nininha. posteriormente foi estudar na EMEF "Olimpia Souto" onde conclui o ensino Fundamental, logo após ganhou uma Bolsa Integral para cursar o Ensino Médio na Antigo Educandário Menino Jesus de Praga, Hoje Colégio. Prestou exame vestibular para Economia na UFCG e foi aprovado, mas optou por cursar Comunicação Social, com habilitação em Publicidade e Propaganda, conquistando bolsa integral pelo PROUNI, um dos primeiros no município a alçançar este feito. Em junho…

Prefeitos desde a emancipação

Veja a relação de todos os prefeitos que assumiram a prefeitura de Esperança-PB desde a sua emancipação em 1925, o período, a sigla partidária e também quem foram os seus vices.



Observações:

- Os dez primeiros apresentados neta lista responderam interinamente, foram nomeados interventores, ou assumiram o executivo mirim na ausência de seus titulares, ainda que momentaneamente;
- Estes dados não são precisos, pois a Justiça Eleitoral disponibiliza em seu banco de dados apenas os prefeitos eleitos a partir de 1947;
- Algumas datas divergem quanto a legislatura; nas pesquisas observamos o início e fim de cada uma delas enquanto que a Justiça Eleitoral faz menção somente ao pleito;
- Os espaços em branco se justificam pela falta de informação em nossas fontes de pesquisas.

Rau Ferreira

Fontes:
- Livro do Município de Esperança, Ed. Unigraf, 1985.
- Livro 3, Administrações Luiz Martins de Oliveira – Esperança, 1988;
- Site do TRE/PB, disponível em: http://www.tre-pb.gov.br//;
- Revista Esperança 82 …

Esperança poderá ter contadoria judicial

Um anteprojeto de autoria do Presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, Desembargador Luiz Silvio Ramalho Júnior, prevê a criação de uma contadoria judicial em Esperança.


O Presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba Desembargador Luiz Silvio Ramalho Júnior propôs um anteprojeto que cria em algumas comarcas do Estado as contadorias judiciais. Serão contempladas as cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos, Sousa, Cajazeiras, Guarabira, Mamanguape e Esperança. Estas Comarcas servirão aos demais municípios circunvizinhos, para onde deverão ser encaminhados os processos que necessitem perícia contábil.
Estão previstos ainda no anteprojeto a criação de diversos cargos no âmbito da estrutura administrativa deste Tribunal, tais como Analistas (especialidade contabilidade) e Técnicos nas áreas judiciária e administrativa a nível de Estado.

Rau Ferreira

Fonte:
- Site TJPB: Notícias, 17/11/2009; disponível em: http://www.tjpb.jus.br//

José Ramalho da Costa

"Um homem a frente de seu tempo". Foi assim que definiram José Ramalho certa vez, reconhecendo-lhe a sua grande capacidade empreendedora e seu amor pelo esporte de nossa cidade. Leia uma pequena biografia deste esperancense que tanto nos orgulha.


Nascido em 21 de março de 1918, filho do casal Antonio Nicolau da Costa e Rita Lacerda da Costa, o espreancense José Ramalho da Costa foi um dos dos principais comerciantes do ramo de estivas e cereais de Esperança, ao lado de Maximiano Pedro, Severino Pereira da Costa e Severino Grangeiro de Maria.
Iniciou no comércio muito jovem, tinha apenas 25 anos de idade, instalando-se na Rua João Pessoa (1943) e depois na Solon de Lucena (1946).
No campo social, presidiu o antigo Esperança Clube em 1950, onde promoveu grandes festas e bailes de carnaval. Na oportunidade, trouxe para esta cidade a renomada orquestra Tabajara.
Amante do esporte e do futebol local, assumiu a presidência do América F. C. em 1954, criando o Departamento Esportivo e…

Projeto "Estadual dos meus olhos"

Conheçam o projeto “Estadual dos meus olhos”, uma iniciativa de quatro alunos concluintes do Colégio Estadual de Esperança-PB que busca resgatar parte da nossa história e certamente fará muito sucesso.




Com o objetivo de resgatar a história gloriosa da Escola Estadual “Monsenhor José da Silva Coutinho”, da cidade de Esperança-PB, alguns alunos da turma concluinte de 2009, do turno da tarde, elaboraram o projeto denominado “Estadual dos meus olhos”.
A equipe é formada por Joselito Alves, Kiara Emanuelly, Rangel Aciole e Elessandro Rocha, e coordenada pelo professor Leonardo Araújo Diniz.
A realização deste projeto deve-se à importância histórica, cultural e educacional da escola não apenas para o município de Esperança, mas para toda a região, e consiste basicamente em se produzir um documentário que terá a duração de aproximadamente 30 minutos, e conterá diversos depoimentos e todo o material bibliográfico relativo a escola e seu patrono, o “Padre Zé”. “Queremos monstrar o que o estadual…

Os cinemas de Esperança-PB

Esperança viveu o áurge dos cinemas. Esta arte, que está um pouco esquecida hoje em dia, já lotou salas de projeção por todo o país e fez a alegria de muita gente. Conheça os principais cinemas da cidade e sua história.




A nossa primeira experiência se deu com o Cine Ideal, uma iniciativa do Sr. Inácio Rodrigues de Oliveira. Passados alguns anos, ele encerrou as atividades e repassou todo o equipamento, dedicando-se exclusivamente ao seu ofício de Delegado de Polícia.
O Cine São Francisco, pertencente a seu Titico Celestino, sucedeu o Cine Ideal na Rua Manuel Rodrigues, vizinho ao Comercial Santa Terezinha, de seu Lita.
Inaugurado em 13 de maio de 1945 com a película “Sargento York”, contava com um sistema de som (que irradiava música para toda a cidade, especialmente música clássica) e de luz próprios. Mas exibia filmes em salas separadas, onde a segunda assistia as imagens invertidas, a preços populares. E assim permaneceu durante mais de duas décadas.
Na época as peças do equipamento v…

Proposta de "logo" tem seu primeiro voto

Nossa central de enquete registrou o primeiro voto a cerca do nosso "logo".
Nas primeiras horas da tarde de hoje (16/11) a nossa central de enquetes registrou o primeiro voto democrático do logo "Banabuyê DOC".


A resposta foi negativa, infelizmente a pessoa que se propôs a opinar não quis comentar seus motivos no respectivo post que abriu o questionário: "Uma proposta de um logo.
Mas ainda faltam seis dias para o seu término; aguardermos o resultado.

Rau Ferreira

Uma proposta de um "logo"

Criamos um logotipo denominado "Banabuyê DOC" e uma enquete para que os nossos leitores possam opinar sobre o seu layout. Esperamos que todos votem.


Idealizamos um logotipo ou logomarca a ser utilizada em nosso blog e cujo objetivo nos reservamos a divulgar oportunamente.
Com ele elaboramos também uma enquete para que as pessoas possam, democraticamente, opinar sobre o seu layout.
As suas inscrições se justificam, em primeiro lugar, por ser o nome inicial de nossa cidade (Banabuyê) e, num segundo plano, por representar um documentário, um resgate histórico da memória (DOC).
Neste mesmo sentido, a folha gasta e amarelada faz lembrar as sesmarias requeridas em 1713 na região polarizada por Esperança-PB.

Veja a figura e dê sua opinião!

Rau Ferreira


História Esperancense é homenageado.

O blog "História Esperancense" foi homenageado neste domingo (15/11) com uma postagem do nosso amigo Rodolpho, que conta um pouco da nossa trajetória.



É com muita alegria que recebemos este gesto carinhoso daquele que tem sido um exemplo para nós.
Este reconhecimento nos enche de orgulho e de responsabilidade, pois devemos nos esforçar cada vez mais para apresentar matérias com conteúdo e que prendam a atenção do nosso público alvo.
Os nossos agradecimentos ao Notícia Esperancense, ele que foi um marco na história da comunicação visual de Esperança-PB.

Rau Ferreira

Orçamento municipal de 1928

Voce sabe quanto ganhava o prefeito de Esperança-PB em 1928 e como se organizava as finanças daquele município. A título de curiosidade pesquisamos a lei que tratava do orçamento público de Esperança no ano de 1928, e trazemos os seus principais pontos.


No dia 10 de dezembro de 1927 o era publicado no Jornal “A União” a Lei Nº 3, editada pelo então prefeito Manuel Rodrigues de Oliveira, e que fixava a despesa do município para o ano seguinte.
Naquela época ela era votada e aprovada pelo Conselho Municipal, cabendo ao gestor a sanção.
A despesa do município de Esperança para 1928 estava orçada em 27:000$000 réis, e era dividida em várias categorias como: como educação, obras, limpeza pública, aluguel de prédios etc.
A representação do prefeito era 1:200$000 réis, enquanto que cada Conselheiro ganhava 600$000.
Havia previsão para os salários tesoureiro (300$000 réis) e do fiscal da vila (360$000 réis). Enquanto que o zelador da arborização pública, o porteiro da prefeitura e o fiscal do Ar…

Prêmio Top Esperancense

Saiba como se originou o prêmio “Top Esperancense” que vem agitando toda a cidade, quais são as principais categorias e as expectativas para 2010.




O prêmio “Top Esperancense” foi uma criação original do comunicador e marqueteiro Rodolpho Raphael e tinha por objetivo empolgar a cidade, o que de fato aconteceu.
A proposta era premiar aquelas categorias que mais se destacaram na cidade de Esperança-PB no ano de 2009, eleitas pela internet através dos sites participantes sem qualquer risco de fraude, pois o voto é registrado pelo IP do computador.
As categorias são de melhor comunicador, radialista, empresa e microempresa, cantor, melhor site, cabeleireiro e escola. Com destaque para o top “Filho ilustre da cidade”, onde estarão concorrendo a Irmã Luciana, a autora do hino da cidade Vitória Régia Coêlho, e o jornalista Jacinto Barbosa, que faleceu no início deste ano.
A data escolhida coincide com as festividades de fim de ano, segundo Rodolpho: “época de reconhecimento agradecimentos e porq…